Federação das Industrias do Estado do Piauí

Federação das Industrias do Estado do Piauí

O melhor do esporte é aqui !

CURTA A FANPAGE NO FACEBOOK

sábado, 21 de janeiro de 2017

Próximo da estreia, Diá testa nova formação em treino coletivo no Altos Treinador vai buscando fazer últimos ajustes no time antes da estreia na Copa do Nordeste, que acontece na próxima semana em São Luís, contra o Moto Club

Por Teresina
No treino desta tarde, no clube das Classes Produtoras, o time do Altos testou uma nova formação um treino coletivo comandado pelo técnico Francisco Diá, buscando diminuir os espaços e aumentando poder de marcação em campo. Ainda sem um time titular definido, o Altos testou peças para aumentar a ofensividade da equipe que enfrenta o Moto Club na quinta-feira fora de casa.
Treino  do Altos - 20.01.17 (Foto: Joana D'arc Cardoso)Treino do Altos - 20.01.17 (Foto: Joana D'arc Cardoso)

A escalação inicial do time considerado titular no coletivo foi formada por: Alex Alves, Dos Santos, Vitor Salvador, Marcelo e Tiaguinho; Nonato, Felipe Macena; Uiliam, Manoel, e Esquerdinha; Vitor Xavier. Durante o coletivo, enquanto Romildo Freire comandava os passes com toques de bola e finalizações ao gol para testar os goleiros, o técnico Francisco Diá chegava avaliando alguns jogadores. O presidente Warton deixou claro que o time poderá efetuar mais contratações: um meia, um lateral direito e um atacante para atenuar as baixas. Por enquanto o volante Dos Santos deve jogar improvisado como lateral direito, após a saída de Apodi.
Treino do Altos - 20.01.17 (Foto: Joana D'arc Cardoso)Diá acompanhou o treino do Altos ao lado do presidente do clube (Foto: Joana D'arc Cardoso)
Com 27 jogadores no elenco, o Jacaré ainda não pode contar com os zagueiros Diego Bispo e Lucas, além do volante Paulo, que se encontram no departamento médico. O goleiro Dida treinou em separado e a expectativa é de que retorne aos treinos normalmente dia 1º de fevereiro. A preocupação da tarde ficou por conta do volante Felipe Macena, que sentiu uma fisgada no joelho ao fazer um movimento durante o treino. Mas nada que preocupe o torcedor do Jacaré. O volante afirmou que não sentia mais dores e que o gelo foi colocado por precaução para atenuar o inchaço provocado pelo choque no impacto da torção.
- Caso eu seja escalado, poderei jogar. O gelo é por questão de precaução – comentou Macena. 
O clube vive momentos decisivos na preparação técnica dos jogadores, pois na próxima quinta-feira enfrenta o Moto Club em São Luís, pela primeira rodada da Copa do Nordeste.




Postar um comentário