Federação das Industrias do Estado do Piauí

Federação das Industrias do Estado do Piauí

O melhor do esporte é aqui !

CURTA A FANPAGE NO FACEBOOK

terça-feira, 11 de abril de 2017

Picos prepara denúncia por escalação irregular de Fabinho e Lima do Fla-PI Presidente do Zangão diz que efeito suspensivo que permitiu que os jogadores atuassem na primeira rodada não foi assinado e por isso não tem validade

Por Teresina
Rodrigo Lima, presidente do Picos (Foto: Francisco Filho)Rodrigo Lima, presidente do Picos, quer entrar com denúncia contra o Fla-PI (Foto: Francisco Filho)
De denunciante a denunciado. Depois de dar uma nova interpretação ao regulamento do Piauiense e denunciar o Parnahyba por escalação irregular de atleta, o Leão deverá ser alvo de processo com a mesma acusação. O perigo vem de Picos, onde o presidente do Zangão, Rodrigo Lima, prepara uma denúncia contra o clube Rubro-Negro. Segundo ele, o efeito suspensivo que permitiu que os jogadores atuassem nas primeiras rodadas do Campeonato Piauiense não tem validade, uma vez que não foi assinado pelo procurador responsável.
Fabinho foi punido no TJD-PI com cinco jogos de suspensão, sendo condenado por ter atingido o goleiro Alisson, do Piauí, com uma cotovelada. Na mesma sessão, em outro processo, o volante Lima também foi punido com suspensão de quatro partidas. No entanto, o clube pediu efeito suspensivo ao Tribunal, o que foi concedido no sábado, e publicado no site da FFP menos de uma hora antes do início do jogo do Rubro-Negro contra o Picos, em que os dois atuaram.
Porém, Rodrigo Lima, presidente do Zangão, viu uma falha na condução do processo. Os documentos que concederam o benefício não estão assinados pelos auditores responsáveis: Lucimar Filho, no caso de Fabinho, e Ricardo Braga, no caso de Lima. Para o dirigente Picoense, isto torna o efeito suspensivo inválido.
- Eles jogaram por meio de uma liminar que o procurador que deu a decisão sequer assinou o documento, feito no sábado provavelmente momentos antes da partida. Sem assinatura não vale o documento – diz o dirigente do Zangão.
Picos x Flamengo-PI, Campeonato Piauiense (Foto: Romário Mendes/Riachaonet )Fabinho, agachado, teria jogado irregularmente contra o Picos (Foto: Romário Mendes/Riachaonet )

A intenção de Rodrigo é protocolar a denúncia até a próxima quarta-feira, encaminhando o caso para o TJD-PI. A notificação de infração será repassada para o procurador da comissão disciplinar, que dará o seu parecer e pode oferecer ou não a denúncia para o tribunal, que colocará o caso em pauta para julgamento.
- No dia eu pensei até em não colocar o time para jogar. Fatos como esse entristecem o futebol piauiense. A gente luta, se esforça bastante, mas algumas decisões tiram o brilho do futebol e nos desestimulam bastante – afirma.
Caso o processo entre em pauta, seja julgado e o Flamengo-PI condenado, o Rubro-Negro deve perder seis pontos: três pela vitória conquistada no jogo em que os atletas foram supostamente escalados de forma irregular, e outros três como punição pela infração.
Postar um comentário