Federação das Industrias do Estado do Piauí

Federação das Industrias do Estado do Piauí

O melhor do esporte é aqui !

CURTA A FANPAGE NO FACEBOOK

segunda-feira, 24 de julho de 2017

Eurico manda recado a Nenê: “Se não quiser ficar, não vai ficar no Vasco” Presidente afirma que jogador está à disposição de Milton Mendes, mas ressalta que não há obrigação de utilizá-lo nem colocá-lo como titular. Rescisão só depende do meia

Por Felipe Schmidt, Rio de Janeiro

Nenê está à disposição de Milton Mendes. Mas isso não significa que o meia tem grandes chances de voltar a entrar em campo pelo Vasco. Pelo contrário. Em entrevista coletiva, o presidente Eurico Miranda reafirmou que só permanecerá no clube quem demonstrar vontade – discurso parecido com o do treinador.
- Se ele não quiser, ele não vai ficar no Vasco. Ele pediu para não jogar, que teria proposta. Falei que era tranquilo. Se a proposta viesse, não há problema algum. Se não aparecer, é um jogador sob contrato. Tem que estar à disposição do treinador. Se o treinador achar que deve escalar, escala. No contrato dele não está que ele é obrigado a jogar. A ser titular – disse Eurico.
Eurico Miranda manda recado a Nenê (Foto: Fred Huber)Eurico Miranda manda recado a Nenê (Foto: Fred Huber)Eurico Miranda manda recado a Nenê (Foto: Fred Huber)
Para o presidente, a rescisão do contrato foi um pedido de Nenê, e o Vasco não colocou obstáculos. Sem proposta, e com pequena perspectiva de ser utilizado por Milton, esta alternativa ganha força.
- O entendimento é dele. Ele falou que queria a rescisão, eu facilito: “Está bom, rescinde.” Não tenho que me entender com ele. Você me procura e diz que não quer mais trabalhar. Está bom, não trabalha. “Ah, eu pensei que tinha proposta”. Volta a trabalhar. O prazo (para receber proposta) já acabou – completou Eurico.
Promessa: Vasco na Libertadores
Além do caso Nenê, o dirigente tratou também de questões. Sobre a utilização de meninos da base, ressaltou que o projeto do clube era exatamente dar condição para que os garotos fossem utilizados no profissional, e que as chances não foram dadas por necessidade.
- Nada acontece por acaso. Preciso dizer que tudo isso é fruto de um trabalho muito forte em todos os sentidos. Quando retornei ao clube, a base estava com oito meses de ajuda de custo atrasada. Comendo pão com salsicha. Isso (uso de meninos no profissional) é fruto de um trabalho forte. Não é por necessidade, é a visão do treinador, que tem apoio integral nosso nas suas decisões.
Por conta disso, Eurico reafirmou que o Vasco vai garantir uma vaga na Libertadores de 2018. Atualmente, o Cruz-Maltino está na oitava posição, com 23 pontos, um a menos que o Sport, sexto colocado.
- O Vasco tem um objetivo e vai alcançar, contra tudo e contra todos. Podem criar as dificuldades que quiserem. Eu posso garantir mais uma vez que o Vasco vai estar na Libertadores. Podem fazer o que quiserem. Persigam da maneira como eles acham que tem que perseguir.
Postar um comentário