Federação das Industrias do Estado do Piauí

Federação das Industrias do Estado do Piauí

O melhor do esporte é aqui !

CURTA A FANPAGE NO FACEBOOK

domingo, 9 de julho de 2017

UFC 213: Overeem vence Fabrício Werdum e afasta brasileiro do cinturão

Alistair Overeem levou a melhor no desfecho da trilogia contra Fabrício Werdum. Na noite deste sábado, no UFC 213, o brasileiro fez luta bastante parelha contra o velho conhecido, mas acabou derrotado na decisão majoritária dos jurados (28-28, 29-28 e 29-28).
Foi o terceiro encontro entre os lutadores, que se enfrentaram pela primeira vez em 2006, no Pride, com vitória de Werdum por finalização. Depois, em 2011, os dois se reencontraram no Strikeforce, e o triunfo ficou com Overeem em decisão unânime dos jurados.
O resultado deste sábado, contestado por Werdum, o deixa mais distante de retomar o cinturão dos pesos pesados do UFC, perdido em maio de 2016, para Stipe Miocic. Depois daquela derrota, o brasileiro havia vencido Travis Browne, no último mês de setembro.
O problema é que o próprio Overeem passa a ficar na frente do ex-campeão na fila por uma nova chance de lutar pelo cinturão. O holandês também perdeu para Miocic recentemente, em setembro de 2016, mas já embala a segunda vitória, após também bater Mark Hunt.
Aliás, essa é a segunda vez que Overeem acaba com o embalo de Werdum, já que na primeira derrota, o brasileiro vinha de triunfo sobre a lenda Fedor Emelianenko no Strikeforce.
A luta principal do UFC 213 seria entre Amanda Nunes e Valentina Shevchenko, mas a brasileira abandonou a luta alegando problema de saúde. Sem o duelo pelo título do peso galo feminino, o combate que fechou a noite foi a vitória de Robert Whittaker sobre Yoel Romero.
Whittaker venceu na decisão unânime dos jurados (triplo 48-47), conquistando o título interino do peso médio do UFC e também o direito de desafiar o campeão linear Michael Bisping.

Fonte: Superlutas
Postar um comentário