Federação das Industrias do Estado do Piauí

Federação das Industrias do Estado do Piauí

O melhor do esporte é aqui !

CURTA A FANPAGE NO FACEBOOK

domingo, 6 de agosto de 2017

Arsenal e Chelsea fazem primeira decisão do ano na Supercopa

Gazeta Esportiva
Arsene Wenger quer o título para Arsenal começar temporada em alta (Foto: Ian Kington/AFP)
A temporada do futebol inglês terá início oficialmente neste domingo, às 10h(de Brasília), no Estádio de Wembley, quando Arsenal e Chelsea decidem a tradicional Supercopa da Inglaterra. Com boas expectativas após manterem a base das equipes e contratarem reforços, as duas equipes buscam o título para iniciar a temporada com o pé direito. Os Gunners garantiram vaga na competição ao vencer a edição 2016/17 da Copa da Inglaterra, enquanto os Blues pelo título do Campeonato Inglês 2016/17.
Pelo lado da Arsenal, as expectativas são boas após a equipe conseguir manter a base da equipe campeã da Copa da Inglaterra na temporada passada e ainda contar com contratações pontuais, como a chegada do atacante francês Alexandre Lacazette.
Após conquistar o título da Copa da Inglaterra justamente diante do Chelsea, o técnico Arsene Wenger espera repetir o feito agora na Supercopa da Inglaterra. “Para nós é uma boa oportunidade para repetir a performance da final da Copa da Inglaterra. Os dois times certamente irão lutar pelo primeiro troféu da temporada com força e desejo, buscando estarem prontas para os demais torneios”, disse o treinador dos Gunners.
Para a partida, Wenger pode ter problemas para escalar o time. Se preparando fisicamente para iniciar a temporada, o atacante Alexis Sánchez e o zagueiro Mustafi aguardam para saber se terão condições físicas para atuar. Além deles, o volante Ramsey, com um problema muscular, e o meia Ozil, no tornozelo, também são dúvidas. Entre os desfalques confirmados pelo treinador estão o zagueiro brasileiro Gabriel e o volante Coquelin.
Antonio Conte quer vitória sobre o Arsenal após perder final da Copa da Inglaterra (Foto: Divulgação/Chelsea)
Assim como no Arsenal, as expectativas para a atual temporada no Chelsea são ótimas. Após surpreender com o título do Campeonato Inglês 2016/17, os Blues perderam peças importantes, mas fizeram reposições a altura. No setor de marcação do meio-campo, Matic deixou o clube rumo ao Manchester United, porém, Bakayoko chegou do Monaco para assumir seu posto no elenco. Já no ataque, Diego Costa deixou de fazer parte dos planos da comissão técnica, mas Alvaro Morato foi contratado para a posição de centroavante.
Projetando as expectativas para a partida, Antonio Conte também citou a derrota para o Arsenal na última Copa da Inglaterra, assim como a necessidade do título para iniciar a temporada com o pé direito.
“Foi duro perder a final da Copa da Inglaterra para o Arsenal após a grande temporada que fizemos. Agora temos outro jogo. Nós conhecemos muito bem o Arsenal e sabemos que têm um time muito forte. Esperamos uma partida muito complicada, mas queremos iniciar a temporada com um título”, afirmou.
Para a decisão, o Chelsea também terá desfalques. Se recuperando de uma cirurgia no joelho, Bakayoko não poderá atuar e fazer sua estreia pelos Blues em partidas oficiais. Já no setor ofensivo, o meia-atacante Hazard, principal nome do atual campeão inglês, também não poderá entrar em campo em virtude de problemas no tornozelo.
Ambas as equipes tem diversos títulos da Supercopa da Inglaterra e buscam aumentar seus números. O Arsenal lutará por sua 15ª conquista, enquanto o Chelsea tenta vencer a competição pela quinta vez. O maior campeão do torneio é o Manchester United, levando a melhor em 21 oportunidades.
FICHA TÉCNICA
ARSENAL X CHELSEA
Local: Estádio de Wembley, em Londres(ING)
Data: 06 de agosto de 2017 (domingo)
Horário: 10h(de Brasília)
Árbitro: Bobby Madley (Inglaterra)
Assistentes: Simon Bennett e Constantine Hatzidakis (ambos Inglaterra)
ARSENAL – Cech; Bellerín(Holding), Koscielny, Mustafi(Mertesacker) e Monreal; Xhaka, Ramsey e Ozil; Oxlade-Chamberlain, Alexis Sánchez(Welbeck) e Lacazette(Giroud)
Técnico: Arsene Wenger
CHELSEA – Courtois; Azpilicueta, David Luiz e Cahill; Victor Moses, N’Golo Kanté, Cesc Fabregas e Marcos Alonso; Willian, Pedro e Batshuayi(Morata)
Técnico: Antonio Conte
Postar um comentário