Federação das Industrias do Estado do Piauí

Federação das Industrias do Estado do Piauí

O melhor do esporte é aqui !

CURTA A FANPAGE NO FACEBOOK

domingo, 10 de setembro de 2017

Ederson sai lesionado, Jesus faz dois e City goleia o Liverpool

Gazeta Esportiva
Sergio Aguero bate recorde e Gabriel Jesus faz dois (Foto: Oli Scarf/AFP)
A manhã de sábado foi agitada no Eithad Stadium. Com gols de Aguero, Gabriel Jesus (2) e Sané (2), oManchester City venceu o Liverpool por 5 a 0 e protagonizou um belo espetáculo para seus torcedores, em partida válida pela quarta rodada do Campeonato Inglês. Apesar da vitória, seguida da liderança com 10 pontos, os Citizens saíram com um grande problema do confronto. O goleiro brasileiro Ederson sofreu uma contusão durante o jogo e deixou o campo de maca, sob cuidado dos médicos.
Leia mais:
Não foi muito difícil para o Manchester City impor seu ritmo de jogo. Apesar das últimas boas atuações dos Gunners, a equipe de Liverpool está sem um de seus principais armadores, Philippe Coutinho e, com isso, teve mais dificuldade para criar boas oportunidades, deixando espaço para os donos da casa. Não demorou muito para que o camisa 9 da Seleção assustasse os adversários com algumas bolas perigosas, mas o primeiro ficou para o experiente argentino marcar.
Sergio Aguero abriu o placar da casa neste sábado ensolarado. Aos 25, o atacante se colocou entre a linha de defesa dos Gunners, recebeu um belo basse de De Bruyne e sem dificuldade driblou Mignolet, antes de bater com frieza para o gol vazio. O camisa 10 atingiu um recorde na Premier League, sendo o ‘não-europeu’ a marcar mais gols na história do campeonato, com 124 feitos.
Aos 31, foi a vez do brasileiro Ederson atuar. Com o resultado, o Liverpool pressionou atrás do empate e chegou na cara do gol com Salah, que bateu de chapa, deixando para o arqueiro do City decidir com uma bela defesa. Poucos minutos depois, o que era motivo de orgulho para Pep Guardiola, tornou-se preocupação.
Goleiro Ederson deixa o campo de maca (Foto: Oli Scarf/AFP)
Seis minutos após da grande defesa, Sadio Mané acertou uma solada no rosto do goleiro Ederson. O lance pareceu ter sido sem maldade, mas o árbitro resolveu expulsar o senegalês por imprudência, o que deixou Klopp muito nervoso. O jogo foi pausado e o brasileiro deixou o campo de maca, recebendo atendimento médico do City. Foi a vez de Claudio Bravo entrar em campo, para substituir o companheiro.
Com a parada para o atendimento, o juiz deu cinco minutos de acréscimo. O suficiente para Gabriel Jesus buscar o segundo da partida. Aos 48, o brasileiro chegou adiantado e marcou, mas o árbitro levantou a bandeira do impedimento para o time de Manchester. Dois minutos depois, o camisa 9 do Brasil deixou a sua marca, desta vez, válida. Novamente, com assistência de De Bruyne, Jesus desviou de cabeça para o fundo das redes dos Gunners e levou a vantagem para o segundo tempo.
Depois do intervalo, o Liverpool parece que desistiu de buscar o resultado, pelo menos nos primeiros minutos de partida. Com oito minutos de bola rolando, Aguero se infiltrou, mais uma vez entre os zagueiros do Liverpool, e, mesmo sozinho, foi solidário deixando a bola para o brasileiro Gabriel Jesus, dono do terceiro gol.
Com o dever de casa feito, foi a vez de Sané entrar em campo para agradar ao professor Pep. Vindo do banco de reservas para o lugar de Jesus, o jovem Leroy Sané se fez protagonista e atuou em grandes jogadas na última etapa do confronto. Aos 31 minutos, o alemão brilhou, tabelou com Mendy na pequena área e fez o quarto da goleada dos Citizens sobre o Liverpool.
Antes do quinto gol, Ederson voltou ao campo para assistir ao término da partida e apareceu com uma bandagem na bochecha esquerda, consciente. Sané aproveitou que o goleiro estava no banco de reservas e mandou uma pintura para os torcedores do City, com um golaço de fora da área. O jovem acertou a batida e a bola fez curva no gol do Liverpool, que saiu do estádio derrotado por 5 a 0.
Postar um comentário