Federação das Industrias do Estado do Piauí

Federação das Industrias do Estado do Piauí

O melhor do esporte é aqui !

CURTA A FANPAGE NO FACEBOOK

domingo, 22 de outubro de 2017

Cadê o legado da Copa do Mundo para o Piauí ?

A CBF e a FIFA anunciaram que as capitais que não receberam jogos da Copa do Mundo de 2014 seriam compensadas com a construção de um Centro de Treinamentos, a serem entregues às federações estaduais. 
Teresina teria um CT de bom padrão e que seria de enorme importância para a Federação de Futebol do Piauí realizar torneios, campeonatos, treinamentos de equipes de base. 
O senhor Wálter Feldiman, Diretor Secretário da CBF, veio a Teresina, e confirmou "para breve" a execução da obra.  Teria faltado dinheiro ? Os números indicam que não. No livro UM OLHO NA BOLA, OUTRO NO CARTOLA, de autoria do Senador Romário, está escrito na página 175 o seguinte:
- Essa participação das instituições públicas brasileiras ajudou no resultado financeiro da Copa no Brasil, que registrou um lucro recorde na competição, de 5 bilhões de dólares ( 16 bilhões de reais ), segundo o repórter Jamil Chade, que revelou dados oficiais do balanço oficial da competição em reportagem de 19 de março de 2015, no jornal O Estado de São Paulo.
O presidente da FFP, Cesarino Oliveira, deve cobrar da CBF uma posição a respeito da promessa. Afinal, cadê o legado da Copa para Teresina ?
FLÁVIO ARAÚJO E DALTON CAMPEÕES NO CSA
Em 2015 o técnico cearense Flávio Araújo realizou um excelente trabalho no River Atlético Clube, comandando o tricolor na Série D do Campeonato Brasileiro em jornada gloriosa com a promoção para a Série C.
E ainda levou o campeão piauiense à decisão do título nacional da Série D no famoso jogo com o Botafogo de Ribeirão Preto, perante 50 mil pessoas, lotação total do Estádio Albertão. 
O empate de 0 x 0 deu o título aos paulistas. Agora, Flávio Araújo voltou a mostrar sua competência, no comando do CSA na reta final e decisiva da Série C. O time alagoano conquistou promoção para a Série B em 2018 e ainda ficou com o troféu de campeão, superando o Fortaleza nas finais.  
Outro ex-riverino campeão no CSA é o goleiro Dalton, que perdeu a posição para Naílton, em face de uma contusão grave sofrida em amistoso com o Piauí, no Estádio Albertão. Dalton ficou no banco do time alagoano, mas é um bom profissional.

Dídimo de Castro
Postar um comentário