Federação das Industrias do Estado do Piauí

Federação das Industrias do Estado do Piauí

O melhor do esporte é aqui !

CURTA A FANPAGE NO FACEBOOK

sexta-feira, 20 de outubro de 2017

Flamengo goleia Bahia e entra no G-6; Palmeiras vence Ponte

Depois de um susto, a goleada. O Flamengo saiu na frente, levou o empate do Bahia no meio do segundo tempo, mas conseguiu a vitória no fim. E com folga: 4 x 1. Réver fez os dois primeiros gols dos mandantes, enquanto que Diego, os dois últimos. Everton ainda deu show com três assistências. Mendoza descontou para os visitantes.
Com o resultado, o time rubro-negro emplaca sua segunda vitória seguida, vai 46 pontos e ultrapassa o Botafogo, que empatou com o Avaí e ficou com 44 pontos. A equipe de Reinaldo Rueda entra no G-6 e ainda se aproxima do quinto colocado Cruzeiro (47), que foi derrotado pelo Coritiba.
Já os baianos sofrem a primeira derrota sob o comando de Paulo César Carpegiani, depois de empate com o Palmeiras fora e vitória em casa diante do líder Corinthians. Os tricolores figuram em 13º, com 35 pontos, três à frente da Ponte Preta, o primeiro clube dentro da zona de rebaixamento.
Em um primeiro tempo sem tantas chances claras, as melhores vieram em um curto intervalo. Aos 23min, Zé Rafael soltou a pancada de fora da área, e Diego Alves espalmou. Cinco minutos mais tarde, Diego arriscou de longe e viu Jean desviar de mão trocando, fazendo excelente intervenção. No minuto seguinte, Mendoza foi muito bem na ligação de contra-ataque, acionou Vinícius, que, livre, chutou em cima do goleiro.
Na volta do intervalo, os donos da casa assustaram já aos 4min, quando Diego foi lançado em velocidade, invadiu a área e parou em bela intervenção de Jean. No lance seguinte, saiu o gol. Everton levantou da esquerda, Guerrero disputou com marcador no alto e a bola sobrou limpa para Réver estufar a rede.
Porém, o empate não tardaria muito. Aos 21min, Allione fez boa jogada individual, entrou na área e acabou derrubado por Juan. Pênalti. Mendoza foi para a cobrança e venceu Diego Alves.
Apesar de algumas reclamações dos torcedores, isso não representaria um grande problema. Afinal, Réver resolveria. Em cobrança de escanteio de Everton aos 31min, o zagueiro subiu com liberdade e concluiu de cabeça sem chances para o goleiro. Festa rubro-negra no Ninho do Urubu.
E a festa seria ainda maior depois que Diego transformou a vitória em goleada. Primeiramente, o árbitro assinalou a penalidade após Lucas Fonseca desviar um cabeceio de Lucas Paquetá com o braço. Diego foi para a cobrança e converteu aos 39min. Dois minutos depois, Everton fez boa jogada e achou Diego na área. O meia girou e bateu para fechar a conta.
Pela próxima rodada do Campeonato Brasileiro, o Flamengo visitará o São Paulo no Morumbi, no domingo, às 17h (de Brasília). No mesmo dia e horário, o Bahia fará clássico com o Vitória na Arena Fonte Nova.
Palmeiras vence Ponte Preta e ainda sonha
O Palmeiras mantém vivo o sonho do bicampeonato brasileiro. Jogando no Pacaembu, nesta quinta-feira, o time alviverde conseguiu vencer a Ponte Preta por 2 a 0 e cortou a desvantagem para o líder Corinthians.
Muito por conta de Keno, que seguiu sendo Kenaldinho. Ele marcou um e deu a assistência para Borja desencantar após quatro meses de jejum, marcar um golaço e definir o placar.
O triunfo leva o Palmeiras aos 50 pontos, nove de desvantagem para o Corinthians. São mais nove jogos em disputa ainda, um deles um confronto direto com o próprio Corinthians, em Itaquera.
Para seguir sonhando, o time alviverde precisa voltar a fazer sua parte no domingo. E diante de um rival direto: visita o Grêmio, que tem os mesmos 50 pontos, no domingo.
Já a Ponte Preta segue na zona de rebaixamento, na 17ª colocação, com 32 pontos. O próximo compromisso é também no domingo e também contra o rival direto: recebe o Avaí, no Moisés Lucarelli.
O Palmeiras começou o jogo um pouco devagar e tomou dois grandes sustos, com a defesa mal posicionada. Fernando Prass salvou em ambos. O time alviverde também pressionava bastante no ataque, deixando o jogo aberto.
Para dar salto, Valentim pede: 'Precisamos melhorar em todos os setores, em todos os sentidos'
Até os 27 minutos do primeiro tempo. Após cobrança rápida de lateral de Dudu, Willian deixou a bola com Moisés, que finalizou de frente para o gol. Aranha até defendeu, mas a bola caiu nos pés de Keno, que não perdoou e abriu o placar.
Nos mesmos 27 minutos, mas na segunda etapa, veio o golpe final. Keno achou Borja em uma bela assistência. O colombiano percebeu Aranha saindo desenfreado do gol, aplicou um chapéu e completou do outro lado, empurrando a bola para as redes.
Foi o primeiro gol de Borja desde o dia 22 de junho, quando marcou contra o Atlético-GO. Já Keno participou do seu quinto gol nos últimos cinco marcados pelo Palmeiras: quatro assistências e uma bola na rede.

Fonte: ESPN
Postar um comentário