Federação das Industrias do Estado do Piauí

Federação das Industrias do Estado do Piauí

O melhor do esporte é aqui !

CURTA A FANPAGE NO FACEBOOK

quinta-feira, 2 de novembro de 2017

Grêmio perde, mas confirma a vaga na decisão da Libertadores

O Grêmio perdeu a invencibilidade em sua Arena na Copa Libertadores, mas dificilmente você encontrará um torcedor tricolor chateado. Isso porque o time assegurou vaga na final do torneio mesmo com o revés por 1 a 0 para o Barcelona, do Equador, na noite desta quarta-feira.
A equipe brasileira jogou com a vantagem de ter vencido o primeiro duelo da semifinal por 3 a 0, em Guayaquil. Ou seja, podia empatar ou perder por até dois gols de diferença em Porto Alegre que ainda seria finalista. Vale ressaltar que o time brigou pelo empate até o fim.
Até o duelo desta noite, eram cinco jogos na Arena, com cinco vitórias - três na fase de grupos, uma nas oitavas e outra nas quartas de final. O gol que tirou a invencibilidade do time foi marcado pelo atacante Jonathan Álvez, o algoz de Palmeiras e Santos nas fases anteriores.
Agora o Grêmio jogará sua quinta final de Libertadores - tem dois títulos. O adversário será o Lanús, da Argentina, que jogará a decisão pela primeira vez. As finais estão marcadas para os dias 22 e 29 de novembro. A primeira partida será em Porto Alegre. Já o confronto derradeiro será em Lanús.
O início do jogo deixou bem claro a proposta do Grêmio: administrar a vantagem obtida no Equador, sem levar sustos.
Ocorre que o time tricolor não demonstrou a mesma pegada do jogo anterior. Em alguns momentos, deixou o ritmo cair demais. E outros ficou esperando o Barcelona no campo de defesa, claramente pensando em um contra-ataque mortal.
O time equatoriano, por sua vez, não foi um adversário que se importou com a desvantagem. Jogou no seu limite e assustou os gremistas.
Mas o primeiro bom lance ofensivo foi do time da casa. Ocorreu aos 19 minutos do primeiro tempo. No lance, Fernandinho lançou a bola na área, Mena rebateu e Luan aproveitou o rebote. Chutou com força e Banguera fez boa defesa.
Aos 22, o Barcelona respondeu. Oyola cobrou escanteio fechado, Díaz dominou e bateu no gol, mas a bola explodiu em Jaílson. Aos 30, Caicedo fez boa jogada individual, invadiu a área e bateu rasteiro. A bola ficou nas mãos de Marcelo Grohe.
Três minutos depois aconteceu o gol do Barcelona. No lance, Caicedo fez bela jogada individual, invadiu a área e cruzou rasteiro. Após confusão na área, a bola sobrou para Jonathan Álvez, que finalizou para o fundo do gol.
A vantagem do Barcelona acordou o Grêmio, que subiu a marcação e começou a pressionar. O rival não se intimidou e buscou o segundo gol. Aos 10, Esterilla recebeu bola na entrada da área, bateu rasteiro e a bola explodiu na trave. O estádio ficou em silêncio.
O Grêmio quase empatou aos 18. Luan fez cruzamento rasteiro, a bola passou na frente de Éverton e Cícero, mas ninguém finalizou. Aos 22, Cícero recebeu belo passe de Arthur, o camisa 27 invadiu a área e bateu rasteiro. A bola foi nas mãos de Banguera.
As melhores chances gremistas foram aos 29 e aos 33. A primeira terminou na trave após Jael desviar de cabeça. Depois, Edílson cruzou rasteiro para área, mas bateu em Arreaga e foi para fora.
O Grêmio volta a se concentrar no Campeonato Brasileiro nos próximos dias. No domingo, o time enfrentará o Flamengo, na Arena gremista, em Porto Alegre, pela 32ª rodada do Campeonato Brasileiro. O time tem 51 pontos e está a oito do Corinthians, líder.

Fonte: ESPN
Postar um comentário