Federação das Industrias do Estado do Piauí

Federação das Industrias do Estado do Piauí

O melhor do esporte é aqui !

CURTA A FANPAGE NO FACEBOOK

sábado, 27 de janeiro de 2018

Com dois a menos, ‘zebra’ conquista vaga heroica na Libertadores

O Oriente Petrolero fez história logo na primeira fase da Copa Libertadores da América 2018. Depois de surpreender o Universitario semana passada, diante de seus torcedores, com uma vitória por 2 a 0, na noite dessa sexta-feira os bolivianos sofreram muito, chegaram a ficar em desvantagem de três gols, tiveram dois jogadores expulsos e, mesmo assim, aos 40 minutos da etapa final, marcaram o gol salvador, o gol fora de casa que garantiu a equipe na segunda fase da principal competição futebolística do continente apesar do revés por 3 a 1, no estádio Monumental, em Lima.
Daniel Chavez tinha tudo para ser o nome da noite. Inspirado, o atacante abriu o placar logo aos oito minutos. As coisas começaram a se complicar para o Oriente Petrolero com 15 minutos da etapa final. Rosales recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso. Assim que o jogo foi reiniciado, Chavez balançou as redes de novo.
Os bolivianos sentiram o golpe e não souberam segurar o placar que ao menos levaria a disputa para os pênaltis. Só cinco minutos depois, Chavez, pela terceira vez, marcou um gol e jogou toda a responsabilidade para os visitantes, que ficaram em situação desesperadora quando Duk recebeu um cartão vermelho direto apenas quatro minutos depois de entrar em campo.
A tarefa parecia liquidada. Em casa, com uma vantagem de 3 a 0 e com dois atletas a mais em campo, nada parecia ser capaz de tirar a classificação do Universitario. Mas, talvez isso tudo tenha causado relaxamento e o milagre aconteceu. Aos 40 da etapa final, Paredes marcou um gol histórico para o Oriente Petrolero, o gol da classificação.
Apesar de se tratar apenas do primeiro duelo pela primeira fase da Libertadores, o resultado representou muito para a modesta equipe boliviana, que comemorou como um título, dentro de campo, assim que o árbitro soou o apito pela última vez. Paralisados, os jogadores e até mesmo os torcedores do Universitario pareciam não acreditar no que tinha acabo de acontecer.
Agora, o Oriente Petrolero terá um duelo regional contra o Jorge Wilstermann. O vencedor deste duelo pegará Vasco da Gama ou Universidad de Concepción na terceira fase, a última antes da fase de grupos. Cruzeiro, Racing e Universidad de Chile apenas aguardam os embates para conhecerem quem será o último integrante do grupo 5.
Olimpia classificado
A tradicional equipe do Olimpia segue viva na briga para conseguir uma vaga no grupo de Palmeiras, Boca Juniors e Alianza Lima na Copa Libertadores da América.
Na noite dessa sexta-feira, diante de seu torcedor, no estádio Manuel Ferreira, em Assunção, os paraguaios bateram o Wanderers por 2 a 0 e conquistaram a classificação à segunda fase do torneio continental, já que o primeiro duelo, no Uruguai, terminara em um empate sem gols. Camacho e Gimenez, no segundo tempo, marcaram os gol.
Agora, o Olimpia encara o Junior Barranquilla, da Colômbia, de novo em confronto de mata-mata. Na sequência, quem avançar enfrentará o vencedor do confronto entre Carabobo e Guarani para, enfim, definir quem vai ao Grupo 8.
Tachira segue vivo
Quem também segue na disputa é o Deportivo Tachira, e graças ao gol marcado fora de casa. Semana passada, a equipe venezuelana arrancou um empate por 1 a 1 com o Macara em Ambato, no Equador. Assim, mesmo com um empate por 0 a 0 nessa sexta-feira, no estádio Pueblo Nuevo, em San Cristóbal, o Tachira se credenciou à segunda fase da Libertadores.
No caminho dos venezuelanos está o Santa Fe, da Colômbia. O time que sobreviver pegará o vencedor de Santiago Wanderers e Melgar na terceira fase. Só então teremos o duelo que definirá quem preencherá o grupo 4, que já tem Flamengo, River Plate e Emelec.

Fonte: Gazeta Esportiva
Postar um comentário