Federação das Industrias do Estado do Piauí

Federação das Industrias do Estado do Piauí

O melhor do esporte é aqui !

CURTA A FANPAGE NO FACEBOOK

segunda-feira, 22 de janeiro de 2018

Em coletiva após posse, Campello já fala em reforços: "Bem encaminhados" Novo presidente do Vasco fala com a imprensa pela primeira vez após tomar posse como mandatário do clube e afirma que deve quitar salários atrasados até 5 de fevereiro

Por Felipe Schmidt, Fred Huber e Igor Rodrigues, Rio de Janeiro
Alexandre Campello em coletiva após sua posse (Foto: Felipe Schmidt / GloboEsporte.com)Alexandre Campello em coletiva após sua posse (Foto: Felipe Schmidt / GloboEsporte.com)Alexandre Campello em coletiva após sua posse (Foto: Felipe Schmidt / GloboEsporte.com
Logo depois da posse que o tornou presidente do Vasco mesmo sem ser o candidato ao cargo de uma das chapas inscritas, Alexandre Campello conversou com a imprensa novamente. No dia da eleição do Conselho, que determinou que ele seria o mandatário do clube, o médico também falou para os vascaínos. Dessa vez, comentou até mesmo que conversou com Zé Ricardo sobre possíveis reforços.
- Zé Ricardo me passou os nomes. Alguns estão bem encaminhados. Adiantar nomes não ajuda em nada. No momento certo vamos anunciá-los.
Problema recorrente no Vasco do ano passado, o atraso salarial talvez não seja problema para o início do mandato. Segundo Campello, a diretoria já está tomando providências para "regularizar a situação". De acordo com o novo presidente, a expectativa é de que até dia 5 de fevereiro, os vencimentos estejam em dia.
- O que garantimos é que o planejamento será feito. Estamos tomando providências para regularizar essa situação. Essa semana ainda vamos regularizar salários e a ideia é que até dia 5 de fevereiro o salário esteja regularizado. Fizemos o Zé Ricardo entender que é uma nova gestão que está começando, isso já traz uma estabilidade para o treinador. Vamos a partir de amanhã começar o trabalho, uma nova gestão.
Campello em seu primeiro grito de Campello em seu primeiro grito de
Campello em seu primeiro grito de "Casaca!" como novo presidente do Vasco (Foto: Paulo Fernandes / Vasco.com.br)
Veja outros temas da coletiva de Campello
Primeiro ato
A partir de terça, o que preciso fazer é dar condições para que a equipe de futebol, que vai disputar a Libertadores, possa treinar, possa se preparar de maneira conveniente para iniciar essa competição. Temos de correr atrás de recursos. Sabemos que no futebol é fundamental que os salários estejam em dia. Ninguém gosta de ter salários atrasados. Tem muita coisa a ser feita. Vamos arregaçar a manga.
Democracia vascaína
Quero declarar que já estamos começando essa democracia, todos vão poder ter liberdade de acesso. O Vasco estará sempre aberto a vocês. Estamos também desbloqueando todos aqueles vascaínos que em alguns momentos foram bloqueados em redes sociais. Estamos trazendo a equipe de patriotas. Essa equipe representa o amor do vascaíno pelo clube. A partir de amanhã (terça) essa transformação se inicia. O Vasco passa por uma dificuldade muito grande. Só será possível transformar o clube a partir de quando o torcedor abraçar a causa.
Executivo para o futebol
Esse entendimento já começou antes mesmo da posse. Está bem encaminhado, mas só vamos divulgar quando estiver tudo fechado. Mas certamente vamos dar todos esses processos que são necessários para um bom desempenho do trabalho. Tudo o que é necessário para que o trabalho da comissão flua bem será feito. O que pedimos é um voto de confiança, não só para o Zé Ricardo, mas para toda a torcida. Para a gente já dar um pouco da cara dessa diretoria.
Basquete
Estamos correndo atrás de receita. Sabemos que tem a receita do Coutinho. Existem alguns outros movimentos que estamos fazendo para captar dinheiro. Tem a expectativa de recebimento desse contrato do patrocinador master. Ainda não tive contato. Vamos iniciar um trabalho de marketing para trazer parceiros.
Atrair mais torcedores
Óbvio que o sócio é fundamental, importante. O que eu disse é que sabemos que existem pessoas que são pagas para plantarem na internet uma série de informações que não são verídicas. E essas coisas se propagam. O futebol é movido por paixão. Essas notícias acabam despertando ódio. O que queremos é atrair os sócios. Nós fizemos a união. Quem fez o movimento de unificar fui eu. Se dependesse do outro lado ele continuaria estático e a união venceu a eleição, sim. A partir daí houve um racha dentro do grupo. Formou-se duas chapas e eu fui eleito pela oposição.
Transição
Eu tenho mais de 30 anos de clube, então conheço as pessoas, não só o Eurico. Conheço os vices, os funcionários. Conheço o clube profundamente. Conversei com o presidente hoje, vários funcionários, diretores. Fiz entenderem que, para o bem do Vasco, é importante que tenhamos uma transição tranquila, que as pessoas passem todas as informações, tudo o que está acontecendo, para que esse processo não seja paralisado. Essas pessoas foram solícitas, se mostraram dispostas.
Luis Fabiano
Não sei dizer, porque o ato de posse foi agora. A partir de amanhã é que meus vices vão trabalhar. Não conversei com nenhum médico ainda.
Mudanças
A gente espera fazer toda a mudança necessária de forma equilibrada.
Quitar folha salarial até sexta
Estamos muito bem encaminhados com um aporte financeiro e entendemos que até sexta-feira minimamente uma folha salarial será paga.
Martín Silva
Foi rápida a conversa, como conversei com todos os jogadores no vestiário. O que tentei passar foi tranquilidade, dizer que estamos assumindo o clube, que temos o compromisso de regularizar essa situação. Não adianta só falar. Tenho de demonstrar.
Nenê
Conto, especialmente o Zé Ricardo conta com ele. Desconheço essa informação. Contamos com o Nenê, sim. É um jogador importante para a equipe, uma liderança.
Revisar contratos
Vamos revisar tudo. Estamos entrando no clube e temos de tomar pé da situação. Todos os contratos serão analisados. Vamos fazer isso. Obviamente, se tiver alguma situação irregular, vamos nos mostrar contrários a isso. Acho que essas notícias, várias ações, só denigrem a imagem do clube e paralisou o clube nesses dias, num momento em que é fundamental o clube se estruturar para disputar uma competição dura como a Libertadores. Essas denúncias muitas vezes são midiáticas e muitas vezes atrapalham a imagem do clube e o funcionamento.
Mudanças no estatuto
Estatuto do clube para ser modificado é importante que se faça uma comissão no Conselho. Pretendo sugerir algumas mudanças. Sempre demonstramos a intenção de aumentar o número de sócios votantes.
Postar um comentário