Federação das Industrias do Estado do Piauí

Federação das Industrias do Estado do Piauí

O melhor do esporte é aqui !

CURTA A FANPAGE NO FACEBOOK

quinta-feira, 15 de fevereiro de 2018

Sport abre 3 a 0, mas cai nos pênaltis para o Ferroviário na Copa do Brasil

Sport-PE e Ferroviário-CE fizeram nesta quinta-feira, se não o melhor, um dos melhores jogos da Copa do Brasil de 2018 até o momento. O Sport teve um maior domínio do jogo, chegou a fazer 3 a 0 com 30 minutos do segundo tempo. Mas o Tubarão da Barra teve uma reação espetacular e foi buscar o resultado na Ilha do Retiro, 3 a 3.
Sport encerrou precocemente sua participação na Copa do Brasil (Foto: Williams Aguiar/Sport Club do Recife)
Já nos pênaltis, mais drama na Ilha. E o goleiro Bruno Colaço brilhou, pegou dois penais, cobrados por Marlone e Rogério, garantindo a vaga na terceira fase da Copa do Brasil.
O Ferroviário enfrenta na terceira fase da Copa do Brasil o ganhador de Vila Nova e Joinville. O Sport volta suas atenções para o Campeonato Pernambucano.
O jogo começou equilibrado na Ilha do Retiro nos primeiros quinze minutos. Depois disso o Leão da Ilha começou a acelerar o jogo. Aos 23 Tulio entregou de graça para o ataque rubro-negro, e Marlone que perdeu boa chance.
Aos 25 o centroavante Leandro Pereira da cabeça quase abriu o placar o para o Sport. Dois minutos depois, Mazinho arriscou sem perigo para o Tubarão da Barra. Aos 30 minutos, o Sport perdeu seu atacante Leandro Pereira, que saiu lesionado.
O Sport pressionava muito. Aos 36, numa falta na área do Tubarão, uma cabeçada e grande defesa de Colaço. E aos 38, o Leão da Ilha fez 1 a 0. Escanteio pela esquerda, uma jogada dividida pelo alto entre Rogerio e Mazinho, e a bola sobrou para Anselmo que mandou para as redes cearenses, 1 a 0 para o Sport.
O Ferrão saiu para o ataque para buscar a igualdade, e aos 40 Janeudo, mandou uma bomba e o goleiro Magrão pegou bem; aos 42 foi a vez de Bacabal arriscar para defesa do guarda-metas rubro-negro. O Sport era melhor e Marlone recebeu pela esquerda e bateu colocado mas a bola raspou o gol e de Colaço. E acabou assim o primeiro tempo na Ilha do Retiro.
No intervalo, Ademir Fonseca colocou Valdecir para dar mais poder de fogo ao Ferroviário. Mas com um minuto o Sport foi ao ataque e Fabricio emendou para fora; aos quatro, Rogério teve uma grande chance mas Colaço fez ótima defesa e evitou o segundo do Sport, num tiro rasteiro. O Ferrão chegou forte aos nove com Valdecir, que arriscou um bom chute, a bola desviou e atingiu o travessão de Magrão.
Mas aos dez minutos do segundo tempo, o Sport fez 2 a 0. Tudo começou com Marlone fez uma grande jogada, lançou Capa em ótima condição para o cruzamento pela esquerda que deixou Fabricio à vontade para testar fora do alcance de Colaço, 2 a 0.
O segundo gol desnorteou o Ferroviário. Colaço salvou aos 12 com um chute de Fabricio. Aos 15 Rogério entrou pela direita e bateu cruzado com perigo.
E novamente Capa fez grande jogada aos 16, mas Thomás perdeu gol incrível para time pernambucano.Aos 22, Valdecir emendou pela esquerda mas Magrão pegou bem. Mas a resposta rubro-negra foi fatal: aos 26 Rogerio foi à linha de fundo e cruzou para Marlone que mandou forte sem chances para Colaço, 3 a 0.
E o Ferrão arrancou forças do fundo da alma e foi buscar o que era praticamente impossível, fora de casa, e acabou empatando, em 15 minutos.
Aos 31, num escanteio pela esquerda, Mazinho subiu e testou livre, e fez o primeiro do Ferrão, que se abriu de vez. E com isso o Sport quase fez o quarto aos 36 com Indio que bateu para fora. Aos 38, Erandir faz grande jogada pela esquerda e cruzou para Mazinho, que bateu forte, e marcou o segundo do Ferrão, colocando fogo no jogo.
E calando a torcida do Leão na Ilha, numa boa jogada de Sávio pela esquerda, a bola foi cruzada e Valdeci empatou para o Tubarão da Barra, 3 a 3, aos 40 minutos. E acabou assim na Ilha do Retiro, no tempo normal, Sport, 3 a 3 com o Ferroviário. E a decisão foi aos penais.
Não faltou emoção também aos penais ! Janeudo fez 1 a 0 para o Ferroviario, Thomás deixou tudo igual para o Sport, 1 a 1; Valdeci marcou e deixou o Ferrão na frente, 2 a 1, mas Léo Ortiz empatou de novo; Rodrigues fez 3 a 2 par ao time cearense, e na sequencia, Fabricio empatou de novo, 3 a 3; Mazinho fez 4 a 3 para o Ferrão.
E Bruno Colaço pegou o penal de Rogerio, 4 a 3; E o experiente Mota perdeu a chance da vitória numa defesa de Magrão, 4 a 3. E Bruno Colaço brilhou de novo e pegou o segundo penal dele, cobrado por Marlone, 4 a 3, dando a vaga para o Ferroviário.

Fonte: Futebol do Interior
Postar um comentário