Federação das Industrias do Estado do Piauí

Federação das Industrias do Estado do Piauí

O melhor do esporte é aqui !

CURTA A FANPAGE NO FACEBOOK

domingo, 4 de março de 2018

Vasco aplica virada para cima do Boavista pela Taça Rio

Por: Sarah Borborema
Kleber Andrade, Cariacica (ES)

O Vasco da Gama presenteou sua calorosa torcida do Espírito Santo com uma virada diante do Boavista, na noite deste domingo (04/03). No gramado do Kleber Andrade, o Gigante da Colina não entregou os pontos e superou a equipe de Saquarema pelo placar de 4 a 3, em duelo válido pela terceira rodada da Taça Rio. Os gols do triunfo cruzmaltino foram marcados por Yago Pikachu, Thiago Galhardo, Wagner e Erazo, que balançou a rede pela primeira vez com a camisa vascaína. 

Com o resultado positivo, a equipe de São Januário assumiu a liderança do Grupo B da competição. O time de Zé Ricardo volta ao gramado nesta quarta-feira (07), diante do Fluminense, no gramado do Nilton Santos.
image
Pikachu comemora o primeiro gol vascaíno na partida - Foto: Carlos Gregório Jr/Vasco.com.br

O JOGO

Atuando diante de sua torcida no Espírito Santo, foi o Vasco quem teve a primeira chance da partida. Aos 11 minutos, Yago Pikachu cobrou escanteio e Paulão subiu para desviar de cabeça. O goleiro Rafael apareceu no lance para efetuar a defesa. Na sequência, Andrés Ríos recebeu sozinho na área, girou e finalizou. A bola passou com perigo rente à trave direita do Boavista. Mais tarde, aos 28, o atacante Paulinho lançou Pikachu, a defesa adversária se complicou e o lateral-direito mandou a bola no fundo da rede: VASCO 1 a 0.

Quando o cronômetro marcava 31 minutos, Júlio César cobrou falta e igualou o placar do duelo: Boavista 1 a 1. Mais adiante, Maradona cruzou na linha de fundo e Tartá finalizou para grande defesa de Martín Silva. O Cruzmaltino respondeu em boa jogada de Wellington, que se livrou da marcação e acionou Wagner. O meia dominou e bateu cruzado, mas a redonda acabou saindo pela linha de fundo. Já nos acréscimos, Júlio César voltou a cobrar falta para o time de Saquarema e Elivelton marcou de cabeça: Boavista 2 a 1.

image
Wagner também balançou as redes em Cariacica - Foto: Carlos Gregório Jr/Vasco.com.br

Na volta para a segunda etapa, aos oito minutos, o volante Wellington arriscou um bom chute de fora da área, mas a bola passou à esquerda do gol do Boavista. Aos 16, Evander levantou a redonda e Riascos apareceu para cabecear com perigo, mas acabou mandando à direita da meta adversária. Mais tarde, aos 30 minutos, Rildo fez boa jogada e cruzou. A bola bateu em cima do travessão e sobrou para Thiago Galhardo balançar as redes: VASCO 2 a 2. A equipe de Saquarema voltou a ficar na frente no placar, aos 33, quando Lucas marcou: Boavista 3 a 2.

O gol do Boavista não abateu o time comandado pelo técnico Zé Ricardo, que seguia pressionando e buscando a virada. Quando o cronômetro marcava 37 minutos, Yago Pikachu levantou a bola na área, Riascos subiu para fazer o desvio e Wagner apareceu centralizado para mandar a redonda no fundo do gol: VASCO 3 a 3. Os minutos finais seguiram com pressão do Gigante da Colina, que rondava a área do Boavista com bastante perigo. A persistência vascaína foi coroada no lance em que Riascos mandou na trave e na sequência Erazo marcou de peixinho para garantir a virada: VASCO 4 a 3.
image
Henrique em ação diante do Boavista - Foto: Carlos Gregório Jr/Vasco.com.br
FICHA TÉCNICA 
VASCO DA GAMA 4 X 3 BOAVISTA
Campeonato Carioca - Taça Rio - Rodada 3

Local:  Estádio Estadual Kleber José de Andrade, Cariacica (ES)
Data: 4 de março de 2018
Horário: 19h30 (de Brasília) 
Árbitro: Leonardo Garcia Cavaleiro
Auxiliares: Carlos Henrique Alves de Lima Filho e Thiago Gomes Magalhães
Gols: Yago Pikachu (28'/1T - Vasco), Júlio César (31'/1T - Boavista), Elivelton (33'/1T - Boavista), Thiago Galhardo (30'/2T - Vasco), Lucas (33'/2T - Boavista), Wagner (37'/2T - Vasco) e Erazo (46'/2T - Vasco)
Cartões amarelos: Evander e Thiago Galhardo (Vasco) / Júlio César, Vitor Faísca e Leandrão (Boavista)

VASCO DA GAMA: Martín Silva, Yago Pikachu, Paulão, Erazo e Henrique; Desábato e Wellington (Rildo); Wagner, Evander (Thiago Galhardo), Paulinho (Riascos) e Andrés Ríos. Técnico: Zé Ricardo.

BOAVISTA: Rafael, Thiaguinho, Gustavo Geladeira, Elivelton e Júlio César; Vitor Faísca (Renan Donizete); Willian Maranhão, Tartá (Thiago Silva) e Marquinho; Cláudio Maradona (Lucas) e Leandrão. Técnico: Eduardo Allax.
Postar um comentário