Federação das Industrias do Estado do Piauí

Federação das Industrias do Estado do Piauí

O melhor do esporte é aqui !

CURTA A FANPAGE NO FACEBOOK

domingo, 29 de abril de 2018

Messi marca três e Barcelona confirma o título espanhol

Foto: Miguel Riopa/AFP
Em partida válida pela 35° rodada do Campeonato Espanhol, o Barcelona visitou o Deportivo La Coruña precisando de um empate para garantir, com três rodadas de antecedência, o seu 25° título da competição. Com três gols de Messi, o time catalão não decepcionou, e conquistou a taça com uma vitória por 4 a 2. Enquanto os catalães comemoram, contudo, o time da casa foi matematicamente rebaixado para a segunda divisão do futebol espanhol.
Logo aos seis minutos de jogo, Dembelé recebeu do lado direito da área, e ao observar a chegada de Coutinho, rolou para trás. O brasileiro chegou batendo de primeira e acertou um belo chute no canto superior direito, sem chances para o goleiro Rubén Martínez, abrindo o placar a favor dos visitantes.
Os mandantes responderam em jogada de bola aérea aos 16. Albentosa tocou de cabeça, Ter Stegen deu rebote e Lucas Pérez completou para as redes. No entanto, o árbitro anulou o gol, pois havia impedimento no lance.
Aos 29, Messi cobrou falta com maestria, no ângulo, mas Rúben Martínez voou para fazer ótima defesa. Um minuto depois, Dembelé fez boa jogada e tocou para Coutinho, que bateu colocado e viu a bola passar muito perto da trave. Aos 37, Suárez recebeu do lado direito da área e acertou um lindo cruzamento de trivela para Messi, que chegou batendo de primeira para ampliar o placar no Riazor.
Aos 39 foi a vez o Deportivo chegar. Borja Valle alçou bola na área, e Lucas Pérez pegou de primeira, deixando Ter Stegen parado enquanto a bola morria no canto direito, recolocando o time de Clarence Seedorf no jogo.
Aos cinco minutos da etapa complementar, Messi teve boa chance para ampliar a vantagem, mas dentro da área, parou no goleiro Rúben Martínez. O time da casa respondeu aos 10, quando Lucas Pérez arriscou da entrada da área e obrigou Ter Stegen a fazer ótima defesa. Aos 17, após bela troca de passes do Deportivo, Borges rolou para Colak, da marca do pênalti, chegar batendo de primeira e empatar a partida.
O time da casa cresceu na partida, e seguia firme na busca pelo terceiro gol. O Barça, neste momento do jogo, buscava mais os contra-ataques, e numa dessas quase marcou aos 27. Suarez recebeu dentro da área, cortou o zagueiro e soltou uma bomba, mas a bola foi na rede pelo lado de fora. Aos 35, o uruguaio recebeu sozinho, cara a cara com o goleiro, mas desperdiçou a ótima chance.
Aos 36, Messi invadiu a área, tocou para Suárez, recebeu de novo, e, na cara do gol, tocou no canto para recolocar o time catalão a frente no placar. Aos 39, após mais uma tabela sul-americana, o camisa 10 invadiu a área e bateu na saída do goleiro para marcar o seu terceiro tento no jogo.
Aos 40, Raktic saiu para a entrada de Iniesta, que realizou uma de suas últimas partidas com a camisa blaugrana. Aos 44, com a partida já decidida, ainda houve tempo para Piqué receber na pequena área e perder uma ótima oportunidade para marcar o quinto gol do time visitante.
Fonte: Gazeta Esportiva
Postar um comentário