Federação das Industrias do Estado do Piauí

Federação das Industrias do Estado do Piauí

O melhor do esporte é aqui !

CURTA A FANPAGE NO FACEBOOK

quarta-feira, 18 de julho de 2018

Ceará e Sport fazem a reabertura do Brasileirão após a Copa do Mundo

Após um longo período sem jogos, o Campeonato Brasileiro está de volta. Nesta quarta-feira, Ceará e Sport duelam no estádio Presidente Vargas, em Fortaleza, em duelo válido pela 13ª rodada, a primeira após a pausa do torneio para a disputa da Copa do Mundo. A bola começa a rolar às 19h30.
Pelo lado dos donos da casa, a pausa foi vista como um ponto positivo para a equipe. Na visão do treinador Lisca, este período sem jogos utilizado para a preparação da equipe foi muito bom, e o técnico não foi econômico na hora de criar expectativas sobre o clube.
"A torcida pode esperar um time organizado e determinado. Temos totais condições de vencer esse jogo. Ser ofensivo e defensivo na medida certa. Respeitando sempre o adversário. Preparei os meus atletas, durante esse período, com o pensamento somente na vitória. Tenho certeza que eles captaram a mensagem e darão conta do recado", avaliou o treinador.
E a tabela mostrava uma necessidade imediata de mudanças na equipe. Isso porque atualmente o Ceará é o lanterna da competição com apenas cinco pontos conquistados, estando a sete da primeira equipe fora da zona do rebaixamento.
Até para melhorar essa situação a equipe alvinegra sofrerá várias alterações na equipe que era considerada titular antes da pausa. Dessa forma, a equipe deve ir a campo com: Éverson; Arnaldo, Tiago Alves, Luiz Otávio e João Lucas; Richardson, Fabinho, Juninho e Reina; Éder Luís e Felipe Azevedo.
Já pelo lado da equipe visitante a situação é mais tranquila. Com um início de torneio bastante promissor, o Leão da Ilha chegou para a pausa do torneio com 19 pontos conquistados, ocupando a sétima colocação do torneio. Para seguir com estes resultados, o técnico Claudinei Oliveira tende a mudar a equipe que vinha dando certo o menos possível.
Apesar do desejo de manter a base da equipe o treinador será obrigado a realizar algumas na equipe titular. Isso porque o zagueiro Ronaldo Alves e o volante Deivid estão indisponíveis devido a suspensão, além do zagueiro Durval, que se contundiu durante a intertemporada.
Mesmo com o alto número de desfalques, o comandante não pareceu ter problemas para montar a equipe titular, que já foi confirmada por ele com: Raul; Léo Ortiz, Ernando e Sander; Fellipe Bastos, Gabriel e Michel Bastos; Rogério, Marlone e Rafael Marques.

Fonte: Gazeta Press
Postar um comentário