Federação das Industrias do Estado do Piauí

Federação das Industrias do Estado do Piauí

O melhor do esporte é aqui !

CURTA A FANPAGE NO FACEBOOK

terça-feira, 7 de agosto de 2018

Ídolo do River, Amarildo tem parada cardíaca após jogo na Bolívia

Reprodução/Facebook Club Destroyers

Amarildo com o médico do Destroyers no hospital após o susto no final de semana 
Depois de deixar o River com uma “proposta irrecusável” do clube boliviano Destroyers, o volante Amarildo passou por um grande susto neste sábado(04). Ele estava em campo pela quinta rodada do Clausura do Campeonato Boliviano quando teve um ataque de hipotermia aguda
Natural de Brasília, mas cidadão teresinense depois de defender o tricolor piauiense, Amarildo foi atendido com urgência no final do primeiro tempo da partida entre o Destroyers e Jorge Wilstermann e encaminhado ao hospital, já que a hiportemia resultou em uma paralisia facial. 
A caminho do atendimento, ele teria sofrido uma parada cardíaca. “Sofreu uma parada cardíaca e perdeu o pulso durante o trajeto do estádio para o hospital. Foi necessário fazer respiração cardiopulmonar. Ficamos assustados, por que na ambulância não havia morfina nem desfibrilador”, revelou o médico do Destroyers, Jeus Josimar Salvatierra Moreno em entrevista ao Diez, da Bolívia.
A hipotermia foi decorrente da baixa temperatura acompanhada pela forte chuva que caiu durante todo o primeiro tempo na partida disputada em Wernes, cidade que fica a 30 quilômetros de Santa Cruz de La Sierra.
Segundo o site da ESPN, o clube boliviano usou sua página no Facebook para tranquilizar os familiares de Amarildo e também os torcedores, mostrando o jogador ao lado do médico da equipe no hospital, onde se recuperava.
No River, Amarildo foi capitão em 2018 e ficou marcado na história do clube após a conquista do vice-campeonato brasileiro da Série D. Foi dele o segundo gol na vitória nas quartas-de-final, sobre a Lajeadense (RS), por 3 a 0, jogo que praticamente garantiu ao tricolor o acesso para a Série C do ano seguinte. 
 
A primeira passagem de Amarildo no River começou em 2014. Em 2017, após o rebaixamento para a Série D, o volante acertou com o Botafogo (PB), mas acabou amargando o banco de reservas e retornou para clube piauiense. 

Caroline Oliveira
Com informações do site ESPN
redacao@cidadeverde.com
Postar um comentário